Após meses de dor inexplicada, mulher tem tumor de 22 kg removido do ovário


10/07/2018 20:07



Problemas de estômago inexplicáveis, dor e ganho de peso intrigaram a norte-americana Kayla Rahn durante meses. A mulher de 30 anos só descobriu o que realmente tinha quando procurou por um pronto-socorro em Montgomery, Alabama (EUA).

De acordo com o comunicado do Jackson Hospital, os médicos encontraram um cisto ovariano de 22 kg dentro da paciente. Kayla foi diagnosticada com um cistadenoma mucinoso benigno (ou seja, não canceroso), um tipo de tumor epitelial que pode ficar muito grande.

A maioria dos tumores epiteliais, que se desenvolvem a partir das células que cobrem a superfície externa do ovário, são benignos, de acordo com a National Ovarian Cancer Coalition (NOCC).

Antes de procurar ajuda, Kayla passou um ano tentando perder o peso que ganhou, chegando ao ponto de ter que responder se estava grávida de gêmeos devido ao tamanho da barriga. Apesar do susto, Kayla contou para a NBC12 que, agora, a sensação é de alívio. "Eu sabia que algo estava errado”, disse.

Para remover o cisto, foi necessário a realização de uma cirurgia --feita em 26 de maio, um dia após ele ter sido encontrado. Gregory Jones, um dos médicos responsáveis pelo caso, disse que já tinha visto esse tipo de tumor antes, mas ficou surpreso com o tamanho do cisto de Kayla.

Agora, a mulher diz que está animada para voltar a viver normalmente sem o tumor. "Assim que cheguei em casa e consegui me mexer um pouco, experimentei todas as camisas que tinha e foi incrível", disse. Agora, Kayla espera que sua história encoraje outras mulheres a procurar ajuda quando algo no corpo não estiver indo bem.

Fonte: Uol


Nossos Parceiros